santa-claus-drunkFesta com amigos do trabalho, amigo secreto, Natal e Ano Novo. Ufa! Haja disposição para encarar a maratona de eventos de final de ano. Fim de ano é época de comemorar e muitas pessoas abusam da bebida.

Quem vai receber em casa, passa por toda uma organização que não inclui só o cardápio a ser servido, mas um item indispensável: como preservar os convidados do excesso do consumo de bebida alcoólica para que seu evento seja agradável.

Abaixo, algumas dicas de como garantir que o exagero não entre na sua festa:

Não beba demais! Como anfitrião, você precisa garantir que tudo esteja em perfeita ordem, evitando potenciais problemas. Se não tiver bebido em demasia reagirá rapidamente em qualquer eventualidade.

Tenha um plano para lidar com os convidados que exageraram. Antes da festa começar, peça a um amigo ou parente para ajudá-lo a manter as coisas sob controle. Se alguém está bebendo muito, inicie uma conversa e ofereça à pessoa algo para comer e uma bebida não alcoólica.

Nunca deixe crianças servir bebidas e nunca os perca de vista. Já presenciamos crianças bebendo restos de bebida em copos de adultos, cuidado!

Saiba se seus convidados estão dirigindo ou de carona com alguém, pois dessa forma você terá certeza que chegarão nas suas casas com segurança ao final da festa. A velha história, se beber não dirija! Não deixe sair da sua casa dirigindo sob efeito do álcool, chame um taxi.

Certifique-se de que todos estão comendo ou “beliscando” enquanto ingerem bebida alcóolica, preferencialmente alimentos ricos em proteínas e carboidratos. Geralmente a bebida alcoólica é absorvida mais rapidamente quando as pessoas bebem de estômago vazio. Por outro lado, é absorvida mais lentamente quando as pessoas comem enquanto estão bebendo.

Tenha opções de bebida não alcoólicas. Consumir alcoólicos nunca deve ser visto como uma obrigação. Proporcionar uma variedade de bebidas mostrará respeito por seus convidados.

Aguarde que o copo esteja vazio para oferecer novas doses. Isso ajuda as pessoas a manter o controle de quanto estão bebendo.

Faça com que garrafas de água estejam prontamente disponíveis. Beber um copo de água após cada bebida alcoólica é uma boa maneira de evitar a desidratação. A grande vilã da embriaguês.

A bebida alcoólica, em um primeiro momento, faz com que a pessoa fique mais desinibida, eufórica e sociável, porém, como o álcool é uma substância com ação muito variada, conforme o consumo vai aumentando, pode causar efeitos mais depressivos e de descontrole, levando a falta de coordenação motora, sono e até agressividade.

Do ponto de vista dos efeitos físicos que o álcool causa em nosso organismo, além de sobrecarregar o fígado, o álcool traz conseqüências também para o aparelho digestivo, irritando a parede do estômago e dos intestinos, principalmente se o estômago estiver vazio.

O excesso de álcool, afeta igualmente o pâncreas, podendo levar a uma pancreatite aguda, e interfere no funcionamento da vesícula biliar. Daí os sintomas desagradáveis de náusea e dor na região do estômago.

Num primeiro momento o corpo humano para se defender “segura” água no organismo (retenção hídrica) e em um segundo momento libera (ação diurética), levando a grandes perdas de águas e sais minerais importantes para nosso corpo, podendo ocorrer a tão temida DESIDRATAÇÃO pós ingestão alcoólica.

A Nantú Consultoria deseja um Feliz Natal com lucidez, Ho Ho Ho !!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois − 1 =